CARMENS TOPO
sheik
Magaldi
casa da linguiça
Polícia Civil

Técnico em contabilidade é preso por estupro de vulnerável no Bairro Praia de Belas, na Capital

Na tarde desta sexta-feira( 11)

12/10/2019 11h32Atualizado há 7 dias
Por: Fabrício Vieira
134
Preso
Preso

Policiais da Delegacia de Polícia para a Criança e Adolescente Vítimas de Delitos, coordenados pela Delegada Sabrina Dóris Teixeira, prenderam um homem de 22 anos, técnico em contabilidade, por estupro de vulnerável, no Bairro Praia de Belas, em Porto Alegre. Dando continuidade à Operação Despertar, deflagrada no dia 04/10/2019, sexta-feira passada, em parceria com o Instituto Geral de Perícias, ocasião em que foi preso em flagrante um homem de 27 anos, advogado, pelo crime de pedofilia.

Foi realizada minuciosa análise do material apreendido em sua posse, sendo encontradas dezenas de fotos suas e de outro homem violentando sexualmente crianças desacordadas, possivelmente sob o efeito de sedativos.

De acordo com a delegada, após uma semana de árduo trabalho, os policiais civis identificaram outro homem, bem como as vítimas, sendo representada por sua prisão preventiva.

Após a prisão em flagrante realizada em 04/10, o técnico de contabilidade, com receio de também ser preso, escondeu-se no apartamento de seu parceiro, palco dos abusos, por presumir que a polícia não retornaria mais ao local, porém, já estava sendo realizado seu monitoramento.

Segundo a delegada, a dupla de homens é investigada por ter cometido crimes bárbaros contra duas crianças: “A maldade e o sangue frio destes indivíduos era tão grande que, após ganharem a confiança dos familiares das crianças, passaram a seduzi-las com brinquedos, lanches e passeios, praticando os abusos quando essas estavam desacordadas, possivelmente sedadas.”

Após os procedimentos de praxe, o indivíduo foi recolhido ao sistema prisional.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.