Magaldi
casa da linguiça
CARMENS TOPO
sheik
sheik
CAPUZ ASSASSINO

Mulher morre asfixiada por capuz dentro de creche em Curitiba

Na manhã desta quinta-feira (28)

29/11/2019 14h46Atualizado há 2 semanas
Por: Fabrício Vieira
88

O corpo de uma mulher foi encontrado dentro de um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI), em Curitiba, na manhã desta quinta-feira (28). De acordo com o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate), ela morreu asfixiada com o capuz da blusa.

Os bombeiros foram acionados por volta das 7h. Quando os funcionários do CMEI Monteiro Lobato chegaram, encontraram o corpo em uma das salas, nos fundos do terreno, que fica no Tatuquara.

A mulher aparentava ter cerca de 25 anos e, segundo informações de testemunhas, pode ter entrado na creche para furtar algum material. Ao passar pela janela, o capuz da blusa ficou enroscado.

O que diz a prefeitura

Por meio de nota, a Secretaria Municipal de Educação informou que, por ano, tem um gasto médio de R$ 310 mil para recuperação de unidades da rede municipal de ensino que sofrem algum tipo de vandalismo.

O valor inclui reposição de vidros, esquadrias, cabos, tubulações, grades, telhas, portas e serviços de pintura, conforme a prefeitura.

A secretaria pede para que a população que vive perto das escolas e CMEIs contribua para que as unidades educacionais fiquem protegidas da ação de vândalos.

“O apoio da comunidade é importante para que a Guarda Municipal, a polícia e a empresa de segurança possam agir rapidamente”, diz um trecho da nota.

#poa24hs

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários