CARMENS TOPO
casa da linguiça
sheik
Magaldi
Polícia Civil

Mulher que escondeu corpo do ex-marido é presa em Camaquã

Homem foi assassinado pelo irmão da criminosa

07/11/2019 14h58Atualizado há 2 semanas
Por: Fabrício Vieira
167

Uma mulher de 58 anos foi presa, na manhã desta quinta-feira (7), em Camaquã. A criminosa é acusada de participação em um homicídio, ocorrido em 2002.

De acordo com a Polícia Civil, a mulher ajudou a esconder o corpo do seu ex-marido. A vítima foi assassinada pelo irmão da mulher. A ação foi realizada pela Delegacia de Polícia de Camaquã.

Caso Pororó 

A mulher é acusada pela morte do caminhoneiro Reinoldo Pires Lautenschlager. Conhecido como 'Pororó', o homem foi morto na madrugada do dia 26 de maio de 2002, alvejado por quatro disparos de revólver calibre 38. Crime ocorreu no bairro Ouro Verde. A presa e o seu amante teriam encomendado o crime, que foi executado por dois homens, incluindo o irmão da mulher.

POA24HS

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários