sheik
CARMENS TOPO
casa da linguiça
Magaldi
Show

Coreografias, efeitos especiais e nostalgia: o que esperar do show de Sandy e Junior em Porto Alegre

Dupla se apresenta na Arena do Grêmio neste sábado, com últimos ingressos à venda

21/09/2019 13h25Atualizado há 4 semanas
Por: Fabrício Vieira
93
Uma das partes mais emocionantes do show é quando a dupla se apresenta com um violão, sentados no palco
Uma das partes mais emocionantes do show é quando a dupla se apresenta com um violão, sentados no palco

Quando anunciaram, em março, a turnê Nossa História, para celebrar os 30 anos de carreira, Sandy e Junior deram partida a um fenômeno que se espalhou pelo Brasil. A resposta dos fãs foi imediata. Sites de compra de ingressos tiveram filas de espera com centenas de milhares de pessoas e as redes sociais imploravam a inclusão de novas datas. Um desses pedidos foi atendidos: Porto Alegre entrou na rota e recebe a dupla neste sábado (21), às 21h, na Arena do Grêmio.

A partir do que foi visto na apresentação de São Paulo, os próprios irmãos demonstram sua surpresa com a reação dos fãs de diferentes gerações.

Sandy

— Estamos vivendo um sonho que a gente nem pensava em sonhar e realizar. Só estamos aqui porque vocês pediram — disse Sandy, no Allianz Parque, no dia 24 de agosto. Com uma performance de duas horas e meia, os filhos de Xororó revisitam os principais sucessos de seus 16 discos (sendo 12 de estúdio e quatro de registros ao vivo) e não conseguem conter as emoções. Em Recife, por exemplo, choraram no palco duas vezes. Em toda a turnê, não deixam de dançar muito com o medley das canções Beijo é Bom, Etc... e Tal, Vai Ter que Rebolar, Dig-Dig-Joy e Eu Quero Mais.

Entre as canções que marcam o espetáculo, estão As Quatro Estações, A Lenda e Imortal. Em cada apresentação, fã-clubes preparam surpresas diferentes. Na capital paulista, o público agitou balões laranjas com os dizeres “Turu Turu” durante a apresentação de Quando Você Passa.

Um dos momentos mais intimistas é a parte acústica, em que Sandy e Junior sentam no palco e utilizam apenas a voz e um violão para dominar o público revisitando faixas como Ilusão, Não Ter e Era uma vez. Nos shows anteriores, foi nesses números executados numa atmosfera de proximidade com o público que ocorreram mudanças pontuais no setlist – em Curitiba, a dupla inseriu Meu Primeiro Amor, enquanto em Salvador trocou Era Uma Vez por Vamos Construir

O encerramento de toda a performance – que é complementada com telões, efeitos especiais no palco e muita coreografia – fica por conta de Vamo Pulá!, que tira todo mundo do chão.

Junior

Até o momento, 10 capitais receberam as apresentações da dupla, e a atuação de Junior tem sido elogiada por onde passa. Perto do final do show, ele faz um solo de bateria após tocar Enrosca, o que provoca gritos de empolgação em fãs de todas as idades. Ele está interagindo bem mais com a plateia, além de mostrar um amadurecimento como músico.

Nos últimos 12 anos, desde o encerramento da carreira, o irmão de Sandy tem se dedicado a uma bem sucedida carreira como produtor e DJ. Na web, soma mais de um milhão de inscritos com o canal Pipocando Música, em parceria com Bruno Bock, falando sobre todos os estilos musicais e cultura pop de forma descontraída.

Tanto na apresentação em Manaus como em São Paulo, Junior liderou o discurso a favor da Amazônia depois da performance de Libertar, música da trilha sonora da distopia ecológica Acquária, filme de ficção científica estrelado pela dupla em 2003.

— Cabe a todos nós (nos importarmos com o planeta). A mudança está dentro da gente — declarou Junior, durante apresentação na Arena da Amazônia. 

SANDY E JUNIOR

  • Neste sábado (21), às 21h
  • Arena do Grêmio (Av. Padre Leopoldo Brentano, 110, Porto Alegre)  
  • Classificação etária: 15 anos (Menores de 6 a 14 anos, apenas acompanhados dos pais ou responsáveis legais)
  • Ingressos: Pista Premium: R$ 480 e R$ 240 (meia); Pista: R$ 260 e R$ 130 (meia); Cadeira Inferior: R$ 340 e R$ 170 (meia); Cadeira Gold: R$ 220 e R$ 110 (meia);  Cadeira Superior: R$ 200 e R$ 100 (meia).
    Pacote Gold (que inclui credencial/sticker diferenciada, entrada antecipada no estádio, acesso à passagem de som dos artistas e água liberada) custa R$ 610 e R$ 480 (meia) para pista e R$ 830 e R$ 590 (meia) para a pista premium.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.